O Sinditamaraty (Sindicato Nacional dos Servidores do Ministério das Relações Exteriores) tomou conhecimento, na manhã desta sexta-feira (16), da remoção ex officio do titular da FAO para a SERE. O afastamento de um servidor dessa envergadura, denunciado por assédio, é fato inédito no MRE e de extrema relevância. Reconhecemos o ato arrazoado do ministro de Estado. Certamente, contribui para um ambiente de trabalho mais saudável entre os colegas de Roma.

Entretanto, é importante registrar que remoção não é punição. Respeitado o princípio da ampla defesa e do contraditório, que o PAD siga seu curso até a conclusão e eventuais providências. Seguimos atentos.

O Itamaraty que (ainda) temos costuma ignorar práticas assediadoras. O Itamaraty que queremos prioriza um ambiente de trabalho saudável, em sintonia com as conquistas dos tempos modernos. #JuntosContraOassédio.


Sindicato Nacional dos Servidores do Ministério das Relações Exteriores

SAIBA MAIS

Sinditamaraty solicita informações sobre o andamento da apuração do caso FAO

Entrar
x
x
x