O Sinditamaraty recebeu a informação do Ministério do Trabalho e Emprego (MTE), por meio do Ofício 604/2018, de que o órgão estuda rever a concessão do registro sindical para a Associação dos Diplomatas Brasileiros (ADB).

Em razão disso, a 22ª Vara do Trabalho de Brasília, em sentença publicada no último dia 7 de agosto, decidiu que os direitos que o Sinditamaraty buscava resguardar, mediante mandado de segurança, devem ser contemplados na esfera administrativa, perante o órgão que tem o dever de zelar pela unicidade sindical, ou seja, o próprio MTE.

 

“Aproveitamos para reafirmar o nosso compromisso de trabalhar pela união de todos os servidores do MRE e fortalecimento das carreiras”, enfatiza o presidente do Sindicato, Ernando Neves.

Entrar
x
x
x